Suprema Corte rejeita medida de Trump sobre mudança climática

(Foto: Gage Skidmore/ Wikimedia Commons)

A Suprema Corte dos Estados Unidos rejeitou o pedido do presidente Donald Trump para suspender uma ação judicial movida por jovens ativistas, que acusam o governo norte-americano de ignorar os perigos das mudanças climáticas.

Os 21 jovens, com idade entre 11 e 22 anos, afirmam que autoridades federais falharam ao lidar com assuntos importantes, como a poluição e as emissões da queima de combustíveis fósseis, violando o direito da população de acordo com a constituição.

A ação teve início em 2015 no governo do ex-presidente Barack Obama. Em uma decisão de 2016, o juiz permitiu o andamento do processo, levando o governo a apelar. A administração Trump pediu que a ação fosse arquivada ou suspensa.

Segundo o despacho da Suprema Corte, as alegações feitas são “surpreendentes” e a questão pode ser considerada por um júri. Portanto, o tribunal deveria levar essas preocupações em consideração ao lidar o caso.

** Com informações da Reuters